Utilize o código de desconto da Uber: 4bvvgdejue

3 de maio de 2017

Metroviários ameaçam entrar em greve na próxima sexta (5/5)

Contra o aumento da jornada, os metroviários decidiram em assembleia paralisar suas atividades por 24 horas em 5/5. Uma nova assembleia será realizada no dia 4/5.

A assembleia de 2/5 aprovou uma greve para 5/5 (sexta-feira) por conta da postura da empresa em aumentar a jornada dos metroviários. Apesar de declarar que é favorável à Intrajornada de meia hora, o Metrô está implantando o intervalo de uma hora de forma autoritária, aumentando a jornada e provocando muitos transtornos aos metroviários.

A sentença do juiz não autoriza nenhuma alteração de escala, não determina horário de entrada ou saída, não autoriza o Metrô a fazer mudança de escala e não determina horário de intervalo entre a 4ª e 6ª hora. Portanto, o Metrô está cometendo vários abusos.

O Sindicato sempre lutou pela manutenção dos 30 minutos e propôs ao Metrô que momentaneamente a Intrajornada de uma hora ocorresse dentro das jornadas atuais. Lamentamos as mentiras divulgadas pela empresa.

Resoluções da assembleia:

– Greve de 24 horas contra o aumento da jornada em 5/5.
– Valorizar toda as lutas contra a postura do Metrô nas áreas (veja no box).
– Não aceitaremos nenhuma punição e nenhum desconto pela intransigência do Metrô.
– Assembleia, 4/5 (quinta-feira), 18h30.

Veja as maldades do Metrô:

– Alteração de horários: Metrô realizou de forma unilateral.
– Intervalo entre a 4ª e 6ª hora: não consta da sentença.
– Horário intermediário das 10h às 19h: desconsiderou a vida social dos metroviários.
– Manutenção noturna: mudou o horário dos companheiros que saiam por volta das 5h30 da manhã e agora terão de sair por volta das 8h de forma desnecessária.


http://www.metroviarios.org.br/site/categoria-decidiu-greve-na-sexta-feira-55/
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do blog Diário da CPTM.
Observações:

  • Último trem do terminal de Jundiaí para Francisco Morato tem partida programada às 23h30.
  • A transferência entre linhas é garantida desde que o usuário esteja em sua última estação de transferência até as 00h. Para mais informações, confira o Regulamento de Viagem. ​​​​
De domingo a 6ª feira, das 4h à meia-noite, e aos sábados das 4h à 1h (sentido único, do centro de São Paulo para os bairros e municípios da Região Metropolitana).